15 agosto 2012

 COMO ME TORNEI UMA ESCRITORA
®Gena Maria

Comecei a escrever no início da minha adolescência,
quando me senti rejeitada pelo amor do meu vizinho
Ele mais velho nem me notava,
 uma menina ainda e de manguinhas fofas!
E dentro desta tristeza, me retirava para escrever
 e desabafar num simples papel toda a minha tristeza,
 por amar e não ser correspondida.

Já mais mocinha e feliz por ser amada
por esse mesmo vizinho, voltei a escrever,
mas só coisas boas e engraçadas,
 a tristeza tinha ficado para trás!

Já mais adulta e tendo sofrido
 algumas decepções amorosas,
voltei a escrever sobre a dor, o abandono,
amores impossíveis, saudades e desencontros...

Com o passar do tempo e com tantas situações vividas,
tanto boas quanto ruins, eu me tornara uma poeta,
pois já não sabia mais viver sem caneta e papel na mão,
como que um desabafo de tudo que vivenciara.

E, hoje digo com grande orgulho, sou poeta e não preciso
mais viver situações para escrever...
Tenho inspirações vindas de algo que ouço,
que leio, que admiro, ou que desprezo...
 Muitas vezes acordo dentro da noite
com uns versos em pensamento,
acendo a luz do abajur e os escrevo,
para que não corra o risco de esquece-los na manhã seguinte!

Hoje eu me considero uma escritora, pois além de meus poemas líricos,
escrevi um romance que ficou lindo, a todos agradou e muito sucesso fez!
A escrita é como o ar que respiro, me ajuda a viver e,
sem voces que me lêem, eu nada seria!

Marília - 31/07/08
SP

5 comentários:

silvo disse...

Por eso gustan porque es la vida, los sentimientos y todo lo que conllevan lo que está escrito, bs!

Will Moa disse...

Achei tão bacana teu depoimento. Prova maior de que o fruto nunca cai longe da árvore...

Ótima quarta!

Mz disse...

Quantas emoções e quantas voltas a vida dá.

Continue escrevendo.
Abç

Lorde Canhoto disse...

Lindissimo seu blog ,querida!
já virei seu leitor.

Abração!

Daniela Sfalsin disse...

Olá, seu blog é fantastico, estou te seguindo. Se puder visitar o meu mais novo cantinho agradeço. Um grande abraço.

cadeadani.blogspot.com.br