19 novembro 2009

ENCONTRANDO O AMOR


À SUA PROCURA


Esperei tanto por você, sonhei com esse amor!
Procurei pelas tardes sem desânimo, nem cansaço...
Enganei-me com tantos... Descobri a dor...
A saudade, a traição e a maldade...
Mas, não desisti de procurar....


Procurei você nas noites, pedi às estrelas, à lua...
Que me ajudassem a encontrar um verdadeiro amor!
Nunca desisti, pois sabia que você existia...


Hoje, quero comemorar o fim da minha agonia,
Pois terei a primeira noite
De um amor, que sonhei a vida inteira.


Você apareceu e provou ao meu coração
Que o amor existe, que vale a pena esperar,
Procurar sem cansar, sem esmorecer...


Que numa noite destas, você vai encontrar, bem sei,
Um amor verdadeiro para muitas noites de amor viver!


® Gena Maria
Marília – SP


5 comentários:

Marlene Oliveira disse...

Gena, loves in the air!
Creio que é da natureza humana a busca pelo grande amor, por isso lemos sempre com prazer poemas assim.
Bjs!

:)Atualizei!

Fernando disse...

Como siempre, muy bonito tu poema.
Te dejo unos besos.
Fernando.

Sonhadora disse...

Lindo poema...de satisfação...de encontro , fim de procura.
Um Beijo
Sonhadora

Anônimo disse...

Poeta querida, jamais desista de procurar. O melhor, o mais gostoso, não é aquilo que se encontra em cada esquina. O melhor o mais valioso está escondido, muitas vezes bem escondido, mas quando você encontra, que felicidade.
Um abraço do Toninho

Fernanda disse...

Amiga Gena!

Mais um, é só amor mesmo. Que romântica a menina me saíu.
Ainda bem, o amor move montanhas e eu também sou uma romântica por natureza.

Beijinhos