28 abril 2012

VISITEM O SITE DA AMIGA PEQUENINA

Publicado no site:
Busco você nesta tarde silenciosa
Envio-lhe mensagens, poemas e versos
E não encontro respostas

Talvez não sinta meus apelos
Talvez seu coração esteja fechado
E nessa minha constante busca
Sinto que esta saudade dói

Sinto um vazio em meu coração
E minha esperança aos poucos
Se esvai, deixando uma triste desilusão

Sei que pra você já fui alguém
Com quem sonhava em suas noites
Já o deixei muito triste como estou agora
E sem querer de sua vida fui embora
Mas, meu coração me pedia pra ficar

Passaram-se os dias, as noites e você ficou
Dentro de mim marcado feito tatuagem
Tão fincado que não consegui tirar

E hoje sabendo que ainda o amo
Quero te procurar, mas estou sem coragem
Tenho muito medo de chegar e não me aceitar

E continuo nesta saudade
Dentro dessa tarde silenciosa
Esperando que você venha de verdade
Para mais uma vez vivermos
Este amor, numa viagem deliciosa
Como tantas que tivemos

Mas, venha sim amor
Pois, tenho medo que esse amor se canse
de tanto te amar e desista de nós dois!

Autora: ®Gena Maria

Marília-20/06/07

4 comentários:

Giancarlo disse...

Molto bella! Un abbraccio....ciao

Terê. disse...

Amiga, desculpa a ausência, passaei para deixar um beijo, tere. e desejar lindo domingo para você.

claudete disse...

"Pois, tenho medo que esse amor se canse
de tanto te amar e desista de nós dois!"Show! amei. Abraços poeta.

Santa Cruz disse...

Gena: Lindissimo poema gostei que coisa bela.
Beijos
Santa Cruz