10 março 2010


É noite...

No céu como vaga-lumes a esvoaçar iluminando

a escuridão para  suas amadas, estão as estrelas!

Como são lindas... Olhe-as, admire-as!

Sinta como eu a beleza da natureza...

a beleza do amor, que vem de tudo existente

nesta maravilha, que é o meu mundo noturno!

Ele nos faz sonhar, vibrar e muito mais...!

Porque tudo isso nos pertence, é só meu... É só teu...!

Tente alguém tirar essa ilusão tua, minha,

não poderá... Essas belezas: as estrelas,

a lua, a escuridão, tudo isso é meu enquanto eu te amar ...

E é teu também amor, porque me amas assim...!

Marília-SP

Um comentário:

Maria disse...

Amiga, lindo poema e como Camões escreveu

"Amor é um fogo que arde sem se ver..."

É esse fogo do amor que nos ilumina como um farol e nos ajuda a ultrapassar as más correntes e rochedos que surgem nesse mar imenso que é a vida.
bjs
Maria